quinta-feira, 1 de junho de 2017

POESIA: PREFIRO SER REFÉM

POESIA PREFIRO SER REFÉM

Será que é egoísmo?
Pensar que tudo é conto de fadas. 
Querer ver o mundo colorido,
E as fábricas com menos fumaça. 

Será que é pretensão minha?
Admirar coisas menores. 
Buscar a inocência,
E ajudar os pobres. 

Será que estou errando?
Me abstendo do que é mal.
Me privando do supérfluo,
E de ser imoral. 

Qual então será seu erro?
Se eu erro fazendo o bem. 
Sua circunstância é bem pior. 
Prefiro mesmo ser refém!

AUTORA: Priscila Afonso